Dermopigmentação de Mamas

O procedimento de dermopigmentação de aréolas e mamilos é extremamente importante como etapa de finalização da reconstrução da mama pós-câncer. É uma etapa de coroação à auto estima.

A dermopigmentação é um procedimento realizado por um especialista, hoje classificada como dermo-pigmentação paramédica, pois respeita-se todos os parâmetros de biossegurança.

Através do implante dérmico de pigmentos, é realizada uma espécie de “tatuagem” que imita de forma realista um novo CAM (complexo aréolo-mamilar).

Cada sessão de dermopigmentação paramédica, o especialista, utiliza um aparelho específico, semelhante ao equipamento utilizado em tatuagens. Este equipamento foi idealizado observando todos fatores anatômicos e fisiológicos pertinentes a delicada região a ser trabalhada.

Para amenizar desconfortos, antes da sessão, aplica-se um creme que reduz a sensibilidade temporariamente, pois durante o processo de dermopigmentação, são utilizadas agulhas especiais para introduzir os pigmentos na pele, não há dor, apenas um leve desconforto atribuído ao procedimento.

Finalizando a sessão, aplica-se um laser de baixa potência, totalmente indolor, que pode acelerar em 50% o tempo de recuperação e melhora a fixação do pigmento introduzido.  Além disso, se faz necessária a aplicação de um creme específico, que auxiliará na recuperação do tecido com maior rapidez.

O momento para realização da dermopigmentação deve ser respeitado, e deve-se levar em consideração a técnica cirúrgica utilizada pelo cirurgião plástico que fez a reconstrução. Antes de se submeter a Dermopigmentação, orientamos que retorne em consulta ao seu cirurgião e confirme que está apta a realizar tal procedimento ou qual o melhor momento para a realização.

Converse sempre com seu médico!